O ambiente como um impeditivo de sucesso. Não acredite nisto!

image_pdfimage_print

ambiente

Muitas pessoas acreditam que suas condições, o local onde nascem, o país e tudo mais são um impeditivo para realizarem alguns de seus sonhos.

Esta teórica limitação de ambiente surge de diversas forma. A seguir, damos alguns exemplos:

Leia mais

O que define ter sido derrotado na busca de um objetivo?

image_pdfimage_print

derrota

Muitas pessoas, por desconhecimento, quando vão em busca da realização de seus sonhos, costumam tropeçar e cair nos obstáculos.

O senso comum nos ensina que isto é ruim e que para sermos pessoas de sucesso e alcançarmos nossos sonho, o caminho é uma linha reta, contínua, tranquila, sem muitos buracos, bastando superar alguns poucos obstáculos que surgirão e … pronto! Objetivo conquistado!

Leia mais

O seu “acordar” como um indicador para o sucesso

image_pdfimage_print

acordar_disposto

Certa vez, durante uma das várias lições que a vida me ensinou, aprendi uma métrica simples, direta e que podia ser verificada todos os dias de minha vida para saber o quão veloz eu estaria na direção da conquista do meu sonho.

Leia mais

O hábito de fazer mais do que a obrigação

image_pdfimage_print

superando_obstaculos

Atingir o sucesso é, em grande parte, uma questão de ajustamento do indivíduo ao ambiente da vida, sempre variado e em contínua transformação.

.
As pessoas que alcançaram maiores sucessos na vida tiveram que, com espírito de harmonia e equilíbrio, corrigir certos pontos fracos na sua personalidade antes de alcançarem o sucesso.

Leia mais

Sistema de Preço como sistema de informação

image_pdfimage_print

BalancePriceValue
Preço como sistema de Informação

Porque os preços são importantes? O professor Daniel J. Smith da Troy University descreve o papel que os preços desempenham na geração, compilação e transmissão da informação através da economia. Informações sobre a oferta e a demanda de diferentes bens estão dispersas entre diferentes compradores e vendedores em uma economia.

Leia mais

Morador do Capão Redondo em São Paulo é aprovado em Stanford

image_pdfimage_print

Gustavo Torres da Silva, de 17 anos, quer fazer engenharia nos Estados Unidos (Foto: Victor Moriyama/G1)

Gustavo Torres da Silva, de 17 anos, quer inspirar jovens da comunidade. ‘Tem muita gente com potencial. Os jovens podem sonhar mais alto’, diz.

O estudante Gustavo Torres da Silva, de 17 anos, acaba de ser aceito em uma das mais renomadas universidades do mundo, a Universidade Stanford, nos Estados Unidos, para cursar engenharia física. A resposta positiva da universidade ao seu application chegou na sexta-feira (12) e foi a consagração de uma vida dedicada aos estudos deste jovem morador no Capão Redondo, bairro da periferia na Zona Sul de São Paulo, um lugar mais conhecido pelos altos índices de criminalidade e falta de oportunidades.

“Me identifico muito com a minha comunidade, tenho orgulho enorme de ser do Capão Redondo”, afirma Gustavo, que ainda espera as respostas dos pedidos para estudar em Harvard, MIT, Universidade da Pensilvânia, Duke e outras cinco instituições de ensino superior norte-americanas. “Sei que a minha conquista vai gerar um impacto. Conheço gente de lá com muito potencial. Os jovens podem sonhar mais alto também.”

Leia mais

As 3 coisas que realmente motivam as pessoas

image_pdfimage_print

dan_pink

Dinheiro é um fator motivante, mas nem sempre

Existem basicamente 2 tipos de atividade, as que envolvem a lógica e as que envolvem a criatividade. Nas que envolvem a lógica e coisas mais palpáveis o dinheiro realmente é um fator motivante. Em atividades criativas o dinheiro prejudica o desempenho.

Se não é dinheiro, o que realmente motiva as pessoas?

Se você quer estimular a motivação em uma área que envolva criatividade e inovação, ou seja, empreendedorismo, entenda os 3 fatores essenciais para que a motivação coma solta.

Leia mais

Cinco garotas que se tornaram milionárias antes dos 20 — sem herança

image_pdfimage_print

Maddie Bradshaw, proprietária da M3

Maddie Bradshaw, proprietária da M3: vendas de mais de 16 mil colares por mês nos EUA (Reprodução/VEJA)

Meninas criaram ainda na adolescência negócios ligados à internet que foram vendidos por milhões.

Convidada pela Organização das Nações Unidas (ONU) a se engajar na causa feminina, a atriz Emma Watson proferiu na segunda-feira um discurso que ganhou repercussão mundial. Um dos pontos levantados pela atriz, famosa como a bruxinha da franquia Harry Potter nos cinemas, é a diferença salarial e de oportunidades profissionais entre homens mulheres. Exemplo disso é que na lista de mais de 1 600 bilionários da Forbes, há apenas 172 mulheres — das quais apenas 16 construíram a própria fortuna. Mas há um grupo de meninas dispostas a mudar essa realidade. Ainda adolescentes, tiveram uma ideia inovadora que resultou numa empresa de sucesso. Como resultado, ficaram milionárias antes de chegarem aos 20 anos. Saiba quem são elas.

Leia mais

O ‘nerd’ que acertou 95% do Enem

image_pdfimage_print

joao_vitor_enem

Ver João Vitor falar sobre a recente conquista é assistir à luta entre a timidez do garoto mais acostumado aos livros do que a grandes conversas e o orgulho de quem está vendo o esforço recompensado. O número da vitória é de impressionar: João Vitor acertou 172 questões das 180 que compõem o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O equivalente a 95,5% de acertos. Mas João Vitor Claudiano dos Santos, 16, aluno do 2º ano da Escola de Ensino Médio Governador Adauto Bezerra, ainda não consegue mensurar o significado do feito.

Leia mais

O exemplo de Samuel Klein, fundador das Casas Bahia

image_pdfimage_print

Samuel Klein, executivo fundador das Casas Bahia (Foto: Divulgação)Samuel Klein, executivo fundador das Casas Bahia (Foto: Divulgação)

Samuel Klein, o fundador da rede de lojas de departamento Casas Bahia, nos deixou na na manhã da última quinta-feira (20) em São Paulo, aos 91 anos. Porém, seu legado será eterno.

Polonês naturalizado brasileiro, ele deixou a Europa durante a Segunda Guerra Mundial e se estabeleceu em São Caetano do Sul, no ABC. Nascido em Lublin em 1923, ele foi o terceiro de nove irmãos. Chegou a ser preso aos 19 anos pelos nazistas e enviado com o pai para o campo de concentração em Maidanek, na Polônia, enquanto a mãe o cinco irmãos foram exterminados no campo de Treblinka.

Leia mais